Segunda-Feira, 11 de Junho de 2018, 08h:09

Tamanho do texto A - A+

Primeira etapa da operação atingiu 18 dos 38 bairros previstos em Várzea Grande; ação prossegue

Outras duas etapas serão realizadas, nas quintas e sextas-feiras com maior intensidade.

Eliana Bess 

 

A primeira etapa da Operação Ordem Pública, deflagrada na quinta-feira (07.06) e sexta-feira (08.06) em Várzea Grande, atingiu 18 bairros, resultando em 35 porções de drogas apreendidas, 376 pessoas e 214 veículos abordados, dois veículos recuperados. Jardim Aeroporto, Pirineu, Planalto Ipiranga, Jardim Potiguar, Água Vermelha e Centro foram os primeiros bairros contemplados pela iniciativa.

 

Esta etapa da Operação foi marcada, ainda, por 18 pontos de estacionamentos visitados, sete bloqueios, 39 saturações (concentração de viaturas nos pontos de policiamento), uma prisão por mandado em aberto, 12 pessoas conduzidas por motivos diversos e sete autuadas em flagrantes, dois simulacros de arma de fogo apreendidos. Também foram apreendidos dois veículos e recolhida uma carteira de habilitação.

 

Segundo o tenente coronel Januário Antônio Edwiges Batista, comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar, o trabalho será mais acentuadonas quintas e sextas-feiras, mas as ações são contínuas para garantir a sensação de segurança na cidade. No total a Operação Ordem Pública chegará a 38 bairros e 149 pontos. 

 

“O objetivo não é apenas de ordem pública e enfrentamento, mas também de cidadania, com a atuação da prefeitura na urbanização das áreas degradadas e pinturas de pichações”, explicou Januário.

 

Além da Operação Ordem Pública, em Várzea Grande o 2º Comando Regional realiza uma sequência de ações e operações, como a Ordem Pública e a Asfixia continuamente.

 

“A intenção é não dar fôlego para o contraventor da lei agir”, frisou o coronel Alessandro Ferreira da Silva, comandante do 2º CR.

 

Ação integrada

 

A Operação Ordem Pública conta com a participação do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil (GOE), Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário, Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam), Guarda Municipal de Várzea Grande, Secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana de Várzea Grande, Força Tática do 2º Comando Regional, além dos policiais do 4º BPM.