Quarta, 20 de agosto de 3-09, 06h43
MANÉ CATRACA: Taques manda às cucuias banqueiros e opta por pagar primeiro quem tem família para dar o que comer



Entre encher as “burras” de banqueiros e garantir salários de todas as faixas de servidores, aposentados e pensionistas, o governador Pedro Taques optou por garantir a subsistência de mais de 100 mil pessoas e suas famílias, somente na esfera do Executivo, que dependem de salários do Governo do Estado para garantir o “arroz com feijão” de cada dia.

 

É uma decisão difícil para um governante, pois implica em adiamento da quitação de parte de um acordo com um banco que tem mecanismos fortes de pressão política, institucional e econômico-financeira sobre o poder público.

Na base do “devo, não nego”, mas vou pagar primeiro aqueles que mais dependem – os assalariados do Estado – do dinheiro, pois se trata de compromisso emergencial e inadiável, Taques mandou às cucuias a tal dívida dolarizada.

Débito, aliás, renegociado na administração anterior e hoje se constitui, entre outros fatores, em mais um “garrote” para asfixiar as finanças mato-grossenses.

A atitude do governador, além de corajosa, não deixa de quebrar paradigmas de que esses contratos, sobretudo os internacionais e em especial com banqueiros, precisam ser honrados a qualquer custo, ainda que seja deixando milhares de famílias passando privações.

Fica a observação da coluna, para reflexão daqueles (e daquelas) que hoje (9) vão receber seus salários!

Podem alegar que se trata de uma obrigação (e é) patronal, no caso do Estado, mas ocorre – é oportuno lembrar – em um momento de “cobertor curto” em que o gestor teve que definir qual dos lados ele iria agasalhar.

Enfim, nem por isso, o Banco of América irá quebrar e nem vai levar calote de Mato Grosso, apenas não foi priorizado por Pedro Taques.

Afinal, trata-se de uma instituição que tem estrutura para esperar um pouco mais para receber a parcela do empréstimo – quem não pode esperar é a “barriga” dos servidores que dependem de proventos para fazer a feira, comprar gás, energia e tantos outros compromissos...


Fonte: Página Única
Visite o website: http://www.paginaunica.com.br